Categorias
Clara Bezerra Cordel Poesia

POESIA: CUNTINENTO

DE: CLARA BEZERRA

hoje eu vim falar de uma palavra

que só o carnaubense sabe lhe explicar

a palavra é cuntinento

variação linguística desse lugar

cuntinento é uma pessoa

que repete a mesma coisa sem parar

dando aquela agonia no juízo de quem escutar

Uma resposta em “POESIA: CUNTINENTO”

Deixe uma resposta