POESIA: TEMPO AO TEMPO

Penso que o tempo não tem tempo para mim…

O meu amor não floresce
Nenhuma noite amanhece
Meu dia não anoitece
E nenhum sonho acontece
Minha dor não adormece
Tampouco a alma se aquece
Será mesmo que o tempo não tem tempo para mim,

ou eu que não dou tempo ao tempo?

2 comentários em “POESIA: TEMPO AO TEMPO

Adicione o seu

Deixe uma resposta para Bruno Oliveira Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: