Categorias
Déa Araujo Poesia

POESIA: TEMPO AO TEMPO

DE: DÉA ARAUJO

Penso que o tempo não tem tempo para mim…

O meu amor não floresce
Nenhuma noite amanhece
Meu dia não anoitece
E nenhum sonho acontece
Minha dor não adormece
Tampouco a alma se aquece
Será mesmo que o tempo não tem tempo para mim,

ou eu que não dou tempo ao tempo?

2 respostas em “POESIA: TEMPO AO TEMPO”

Deixe uma resposta