POESIA: AMOR AO MAR AMAR

Fazer poemas na praia
dá às palavras um sabor salgado,
mas não tira a doçura dos versos.
Céu, mar, sol…
Se unem num final de tarde transbordante de emoções. Amor, sol, mar…
Em versos traçados pelo destino e imortalizados na poesia. O amor que mal cabe em mim veio do mar…
O amor que mal cabe em mim nasceu nas ondas…
O amor que mal cabe em mim brotou na areia….
E esculpiu-se num crepúsculo de verão.
Amor, quando se mistura ao mar, torna-se amar.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: