Categorias
Dadá Amadeu Poesia

POESIA: VIDA

DE: DADÁ AMADEU

Leve como passo descalço de menina;

Sincera como primeiro beijo na pracinha;

Rápida como voo na classe executiva;

Árdua como criar sozinha a única filha.

E ainda caímos na armadilha

De tentar competir com sua velocidade,

De agarrarmo-nos à falsa mocidade,

De pensar poder vencê-la.

Enganamo-nos.

E só o notamos

Quando estamos

Sufocando.

Deixe uma resposta