Categorias
Joyce Nascimento Silva Poesia

POESIA: SILÊNCIO

DE: JOYCE NASCIMENTO

Sinto-me no porão de um casarão,

pouca luz me faz companhia.

Onde está você?

Lá fora uma tarde faceira

há uma povoação desconhecida,

dançam com o vento

param com a chuva

voam sem parar de um lado ao outro no mar.

Eu os consigo espiar pela brecha da porta e janela

mas eles não me veem.

Aqui dentro reina o silêncio

solidão

frio

vazio.

Às vezes sinto vontade de sair

de tocar nessa multidão

mas é impossível deixar este lugar.

Com isso, conforme-me em estar em silêncioem estar parado, aguardando você chegar. 

Deixe uma resposta